Home / GUAJARÁ 190 / Polícia Boliviana entrega brasileiro foragido da Justiça e acusado de ser um dos maiores receptadores de veículos roubados

Polícia Boliviana entrega brasileiro foragido da Justiça e acusado de ser um dos maiores receptadores de veículos roubados

O foragido da Justiça Brasileira, Evilázio de Sena Cortez, de 26 anos, vulgo “Batata”, foi extraditado pela Polícia Boliviana, de Guayamerin – Beni/Bolívia no início da tarde desta quinta-feira, 19. O foragido residia naquela cidade ao fugir do Brasil.

A parceria entre a Unidade Especializada de Fronteira (Unesfron) juntamente com a Polícia Boliviana tem surtido bons resultados para as vítimas de furtos/roubos no município, como a recuperação de veículos e a prisão de acusados de roubos. Policiais lotados na Unesfron receberam o brasileiro Evilázio Sena que estava com a situação de foragido da Justiça, após evadir do sistema prisional do regime semi aberto. “Batata” estava residindo na cidade boliviana de Guayamerin. De acordo com fontes apuradas pela reportagem do jornal e site O Mamoré, Evilázio era apontado como um dos brasileiros  que mais praticava a receptação de veículos furtados/roubados naquela cidade.

A informação foi repassada entre as Polícias que descobriram tratar-se de um foragido da Justiça, a Polícia Boliviana eFuerza Especial de Lucha Contra el Narcotráfico (FELCC) prenderam “Batata” quando este transitava em via pública na cidade de Guayaramerin, após o trabalho do Departamento de Migração da Bolívia, o brasileiro foi extraditado pelo Porto Oficial . Evilázio também foi denunciado de participar de um roubo no dia 06 de fevereiro de 2017.

Após exame de corpo de delito e registro da ocorrência policial, Evilázio foi encaminhado para o presídio masculino de Guajará-Mirim.

Nesta quarta-feira, 18, uma reunião entre as Polícias, inclusive boliviana e Associação Comercial estiveram reunidas onde apresentaram levantamento de furtos/roubos de veículos no município de Guajará-Mirim durante os últimos quatro meses em Guajará-Mirim foram 43 veículos, aqueles que não foram recuperados foram transportados para Guayaramerin. Os representantes da Polícia Boliviana se comprometeram na abordagem e fiscalização dos veículos nas vias, verificando chassi dos veículos e a placa/documentação. Acredita-se que com a parceria entre as Polícias da fronteira seja possível minimizar os furtos e os roubos, principalmente de motocicletas.

Fonte: O MAMORÉ

Comentários do Facebook

Comentários

Leia também

Criança de três anos morre afogada em tanque de peixe na 1ª Linha do Distrito do Iata.

O triste fato aconteceu por volta das 18h30min deste domingo (29) na 1ª Linha do …

%d blogueiros gostam disto: