Home / PORTO VELHO / OPERAÇÃO: Condutores tentam fugir e atropelar PM’s na lei seca, mas 12 acabam presos

OPERAÇÃO: Condutores tentam fugir e atropelar PM’s na lei seca, mas 12 acabam presos

Porto-Velho-Doze pessoas foram presas por embriaguez na direção durante a realização da operação Trânsito Vivo – Lei Seca, ocorrida na madrugada deste domingo (24), na Avenida Jatuarana, bairro Nova Floresta, zona Sul de Porto Velho.

Os casos que mais chamaram a atenção foram o de um homem de 46 anos. Ele dirigia um carro Fiat Pálio e quando viu a blitz saiu em fuga, sendo que ao estancar o carro e ser interceptado ainda tentou evadir-se a pé. Foi verificado que o homem não possuía habilitação e o teste de etilômetro apontou resultado de 0. 85 MG/L. No veículo foram encontradas várias garrafas de bebida alcoólica.
Um vigilante de 38 anos pilotava uma motocicleta modelo Fan e ao perceber que seria abordado furou o bloqueio, quase atropelando os policiais e saiu em fuga. O suspeito somente foi  detido na frente da casa dele, na Rua Miguel Calmon. Levado novamente ao local da blitz, foi verificado que a moto estava com a documentação em atraso e o teste do bafômetro deu 0.43 MG/L.
Teve também um acadêmico de 43 anos. Ele pilotava uma moto CB 300 com documento atrasado. O exame de bafômetro apresentou resultado de 0.63 MG/L. Foi verificado ainda que a habilitação do acadêmico estava vencida há mais de 30 dias. Quando recebeu voz de prisão, o suspeito tentou fugir e foi algemado. Porém, mesmo assim, ele tentou sair em fuga. Um policial  relata que o suspeito tentava se auto lesionar para acusar a guarnição da PM de lesão corporal.
Os presos foram levados à Central de Flagrantes para as devidas providências.

CLIQUE NAS IMAGENS ABAIXO PARA AMPLIAR.

OPERAÇÃO: Condutores tentam fugir e atropelar PM's na lei seca, mas 12 acabam presos
OPERAÇÃO: Condutores tentam fugir e atropelar PM's na lei seca, mas 12 acabam presos

Fonte: RONDONIAOVIVO

Comentários do Facebook

Comentários

Leia também

GARIMPEIROS SE REORGANIZAM E BUSCAM OURO EM ÁREAS PROTEGIDAS PELO IBAMA E ICM-BIO NAS FLORESTAS DE UNIÃO BANDEIRANTES

Porto Velho, Rondônia – Até o momento não houve nenhuma prisão de garimpeiros que retomaram os ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: