Home / GUAJARÁ 190 / Policial Militar invade delegacia com arma em punho ameaçando matar agressor de seu pai e vai preso.

Policial Militar invade delegacia com arma em punho ameaçando matar agressor de seu pai e vai preso.

O fato aconteceu na tarde de domingo (7). Tudo começou depois que o pai de um policial militar foi lesionada a faca no abdômen,  em um bar no bairro Liberdade.

Uma guarnição da PM esteve no local e o agressor, José L. P. L. de 66 anos, que havia sido detido por populares, foi conduzido à delegacia de polícia. Ato contínuo, os policiais se deslocaram ao Hospital Regional para colher dados da vítima e lá se depararam com um policial militar a paisana, visivelmente transtornado, devido ao estado de saúde de seu pai que havia sido lesionado a faca.

O policial militar saiu do Hospital correndo em direção a Avenida 15 de Novembro e em frente a Escola Simon Bolívar, com arma em punho, tentou tomar um veículo de um taxista, mas não obteve êxito devido a intervenção da guarnição policial e de um amigo do PM.

Foi dada ordem de parada ao PM, que não obedeceu e passou a apontar a arma para a guarnição ordenando que se afastasse. Em seguida, saiu correndo pela Avenida 15 de novembro e nas proximidades de uma sorveteria, novamente de arma em punho tomou o automóvel de um Policial Militar que se encontrava a paisana, afirmando que iria à Delegacia de Polícia Civil matar o agressor de seu pai.

De imediato, a guarnição solicitou apoio das demais guarnições para que se deslocassem até a Delegacia de Polícia Civil para deter o Policial, bem como preservar a vida e a integridade física da pessoa ameaçada.

O policial militar chegou no automóvel em alta velocidade e adentrou ao estacionamento da Delegacia e passou a apontar a arma aos Policiais que se encontrava no local dizendo que iria até a cela matar o agressor de seu pai.

Ao ser impedido pelos Policiais Militares, o PM de  arma em punho saiu do estacionamento da delegacia e foi até o pátio Quartel do 6º BPM onde pulou o muro que dá acesso aos corredores da delegacia e foi em direção à cela de custódia de presos, onde no caminho encontrou um perito criminal da polícia civil que tentou impedir a ação, mas também foi ameaçado pelo PM. Policiais civis, conseguiram retirar o homem que estava na cela e o levaram para outro local, preservando sua vida.

Após, ter sido convencido que o agressor de seu pai não se encontrava na Delegacia, o PM mesmo com  arma em punho, pulou o muro e foi em direção ao campo de futebol da Polícia Militar, onde permaneceu por alguns minutos e em seguida seguiu em direção ao  Hospital Regional.

No hospital o PM foi cercado por uma guarnição da UNESFRON e após tomar conhecimento que seu pai estava vivo e fora de perigo de morte, se entregou.

O policial militar foi flagranteado pelo Delegado de Plantão e foi encaminhado ao Centro de Correição da Policia Militar em Porto Velho onde ficará a disposição da justiça civil e militar. O autor da facada também foi flagranteado por lesão corporal de natureza grave encaminhado ao Presídio Masculino local onde ficará a disposição da justiça. A vitima, pai do Policia Militar, sofreu intervenção cirúrgica e passa bem.

Fonte: Guajará Hoje.

Comentários do Facebook

Comentários

Leia também

Ladrões invadem casa de Policial Militar e furtam caminhonete Hilux em Guajará-Mirim

A vítima foi o Policial Militar da reserva A. J. T., 54 anos, que encontrava-se ...

%d blogueiros gostam disto: